Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

HealthySpots

Dicas para uma vida mais saudável

HealthySpots

Dicas para envelhecer bem

Todos temos que envelhecer, mas há truques para manter a juventude do corpo e da mente por mais tempo. Reuni alguns dos truques que têm funcionado comigo:

(É importante lembrar que, como em quase tudo na vida, se deve aplicar a regra dos 20/80. Podemos quebrar as regras 20% das vezes, se nos portamos muito bem no restante tempo.)

 

1. Dormir bem. Dormir 7 a 9 horas por dia dá tempo ao corpo e ao cérebro para se regenerarem.

 

2. Evitar comida pouco saudável e álcool. Se beber de mais num dia, tente evitar o álcool nos 6 dias seguintes.

 

3. Colocar creme hidratante na cara e no corpo todos os dias. Manter a elasticidade da pele implica menos rugas, estrias e pele flácida no futuro.

 

4. Evitar o sabão na cara. Lavar a cara uma ou duas vezes por dia e utilizar só água ou produtos próprios para a cara.

 

5. Evitar maquilhagem e saltos altos. A maquilhagem só deve ser usada em dias de festa, pois não permite que a pele respire convenientemente. A utilização contínua de saltos altos pode provocar alterações no calcanhar de Aquiles, deformações nos dedos e joanetes.

 

6. Fazer esfoliação corporal e facial uma vez por semana. Esfoliar a pele permite retirar a pele morta e resíduos acumulados.

 

7. Manter actividades interessantes. Exercite o cérebro, o corpo e a boa disposição.

 

8. Começar o combate cedo. Aplique estes truques enquanto ainda tem uma aparência jovem. A ideia é prevenir.

Porque é que às vezes parece que o exercício não emagrece?

IMG_7416.JPG

 

É comum ouvirmos queixas de pessoas que fazem exercício com o objectivo de emagrecer, mas que não vêem resultados. Se estamos a gastar mais energia e estamos a transformar a gordura em músculo, que por sua vez gasta diariamente mais energia que a anterior gordura, porque não diminuímos o peso?

 

Por duas razões:

 

1. Porque o músculo é mais pesado que a gordura.

 

2. Porque a diferença entre as calorias consumidas e as gastas não mudou ou até aumentou.

 

As causas mais comuns para este último ponto são:

 

1. Falta de conhecimento sobre as calorias gastas em cada exercício e sobre as calorias consumidas. É provável que baste comer um queque à saída do ginásio, como auto-presente pelo esforço, para repor todas as calorias gastas com o exercício.

 

2. O facto de a pessoa ficar extenuada com exercícios muito intensos diminui a sua capacidade e paciência para resistir a tentações.

 

3. O exercício extenuante aumenta o apetite.

 

4. Realmente o músculo necessita de mais energia por hora que a gordura, mas a diferença é tão pequena que não faz emagrecer ninguém.

 

Ou seja:

Fazer exercício (com boa postura e sem entrar em exageros) faz muito bem à saúde e ao aspecto do nosso corpo. Melhora o desempenho do coração, ajuda a manter ou a criar músculos, melhora a postura, ajuda na diminuição do stress e na luta contra a insónia, entre outros benefícios. Mas, para emagrecer, só será suficiente se não aumentar o consumo de calorias. E aí é que está a dificuldade.

Sopa ao jantar

Uma das melhores formas de perder peso é substituir o jantar por um ou dois pratos de sopa de legumes (sem batata, nem gordura) umas 3 ou 4 vezes por semana, mantendo uma alimentação saudável no resto do dia.

 

As vantagens:

- É baixo em calorias e à noite não precisamos de muito energia;

- É de fácil digestão, por isso ajuda a dormir melhor;

- Os legumes têm muitas fibras, por isso ajuda os intestinos a funcionar melhor;

- Faz-se uma vez e dura para vários dias - até pode ser congelada em doses individuais;

 

Recomendações:

- Evitar ou colocar pouca cenoura e abóbora;

- Utilizar a corgete, que substitui muito bem a batata;

- Colocar cebola e/ou alho francês para dar um sabor mais forte;

- De vez em quando, pode ser colocada uma fatia fina de queijo flamengo cortada aos quadrados na sopa já aquecida, para derreter e dar um sabor de gratinado;

 

 

7 dicas para quando vamos jantar fora

IMG_7387.JPG

 

É difícil e desagradável estar sempre a evitar jantar fora, para fugir de tentações como o pão com pasta atum à entrada, os molhos ou os doces. Por isso, aqui ficam algumas dicas para diminuir a ingestão de calorias nessas ocasiões:

 

1. Começar por comer uma sopa de legumes, para evitar o couvert e ficar com menos fome.

2. Beber água. Já que vamos consumir mais calorias do que o costume, podemos evitar as calorias do álcool, dos refrigerantes e dos sumos naturais.

3. Qualquer que seja o prato que se vá comer, pedir para vir com salada. Assim, pode ficar mais satisfeita com poucas calorias e evitar mais tarde a sobremesa.

4. Aproveitar para comer peixe grelhado, evitando o molho de manteiga. É saudável e tem poucas calorias.

5. Se estiver num restaurante de massas, evitar pedir molho de natas ou bacon. Prefira o molho de tomate ou o azeite.

6. Se a dose for muito grande, não se sinta obrigado a comer tudo. Pode, por exemplo, pedir para levar o restante para casa. Em último caso, mais vale estragar o resto da comida, do que comer em exagero.

7. Evitar comer sobremesa. Se continuar com fome, peça uma fruta que não coma habitualmente em casa. Sempre varia, sem consumir muitas calorias.

Gene da obesidade descoberto?

Investigadores da "Peninsula Medical School" e da "Oxford University" analisaram os dados de 40.000 pessoas e descobriram que os indivíduos com duas cópias de uma versão "gorda" de um gene tinham mais 70% de probabilidades de ser obesos do que os outros.

Ou seja, algumas pessoas podem efectivamente ter mais dificuldade em perder peso, por causa desses genes.

Do estudo, também se estima que metade dos europeus de raça branca tenham uma cópia dessa variante e um em cada seis tenha as tais duas cópias.

Só espero que esta descoberta contribua para a prevenção e tratamento da obesidade. A curto prazo, de preferência.

Os benefícios do sushi

1. A maior parte dos peixes utilizados é muito rica em Ómega-3, que ajuda a prevenir doenças cardiovasculares e a aumentar a inteligência.

2. Os peixes são também ricos em minerais como zinco, potássio e fósforo e em vitaminas do complexo B.

3. As algas utilizadas são ricas em iodo.

4. O gengibre é um bom anti-séptico natural, que ajuda a digestão e fortalece o sistema imunitário.

5. Não é uma refeição muito calórica.

Já agora, sugiro o meu restaurante Japonês preferido: Aya, nas Twin Towers.

Sumo de Uva e os benefícios do Vinho

Ultimamente, tem-se falado muito sobre os benefícios do Vinho Tinto para o coração. Agora, descobriram que o sumo de uva pode ter os mesmos benefícios, sem o álcool.

O estudo foi feito na universidade Louis Pasteur de Strasbourg, onde examinaram o efeito do Sumo de Uva no desempenho do coração. A teoria é a seguinte: o Vinho Tinto e alguns sumos de uva têm elevados níveis de polifenol (Ácido carbólico), que bloqueia a produção de uma proteína associada a doenças cardiovasculares.

Conclusão: quem quiser os benefícios do Vinho Tinto, sem ingerir álcool, já tem alternativa...