Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

HealthySpots

Dicas para uma vida mais saudável

HealthySpots

Porque é que às vezes parece que o exercício não emagrece?

IMG_7416.JPG

 

É comum ouvirmos queixas de pessoas que fazem exercício com o objectivo de emagrecer, mas que não vêem resultados. Se estamos a gastar mais energia e estamos a transformar a gordura em músculo, que por sua vez gasta diariamente mais energia que a anterior gordura, porque não diminuímos o peso?

 

Por duas razões:

 

1. Porque o músculo é mais pesado que a gordura.

 

2. Porque a diferença entre as calorias consumidas e as gastas não mudou ou até aumentou.

 

As causas mais comuns para este último ponto são:

 

1. Falta de conhecimento sobre as calorias gastas em cada exercício e sobre as calorias consumidas. É provável que baste comer um queque à saída do ginásio, como auto-presente pelo esforço, para repor todas as calorias gastas com o exercício.

 

2. O facto de a pessoa ficar extenuada com exercícios muito intensos diminui a sua capacidade e paciência para resistir a tentações.

 

3. O exercício extenuante aumenta o apetite.

 

4. Realmente o músculo necessita de mais energia por hora que a gordura, mas a diferença é tão pequena que não faz emagrecer ninguém.

 

Ou seja:

Fazer exercício (com boa postura e sem entrar em exageros) faz muito bem à saúde e ao aspecto do nosso corpo. Melhora o desempenho do coração, ajuda a manter ou a criar músculos, melhora a postura, ajuda na diminuição do stress e na luta contra a insónia, entre outros benefícios. Mas, para emagrecer, só será suficiente se não aumentar o consumo de calorias. E aí é que está a dificuldade.

Sopa ao jantar

Uma das melhores formas de perder peso é substituir o jantar por um ou dois pratos de sopa de legumes (sem batata, nem gordura) umas 3 ou 4 vezes por semana, mantendo uma alimentação saudável no resto do dia.

 

As vantagens:

- É baixo em calorias e à noite não precisamos de muito energia;

- É de fácil digestão, por isso ajuda a dormir melhor;

- Os legumes têm muitas fibras, por isso ajuda os intestinos a funcionar melhor;

- Faz-se uma vez e dura para vários dias - até pode ser congelada em doses individuais;

 

Recomendações:

- Evitar ou colocar pouca cenoura e abóbora;

- Utilizar a corgete, que substitui muito bem a batata;

- Colocar cebola e/ou alho francês para dar um sabor mais forte;

- De vez em quando, pode ser colocada uma fatia fina de queijo flamengo cortada aos quadrados na sopa já aquecida, para derreter e dar um sabor de gratinado;

 

 

Dia da asneira

Hoje em dia, a maior parte das pessoas já perceberam que uma dieta demasiado restritiva leva a excessos no fim da mesma. Por isso, é muito comum ler ou até ouvir médicos recomendar que só se faça dieta seis dias por semana, podendo fazer algumas asneiras no sétimo dia.

 

A ideia não é passar o "dia da asneira" a comer porcarias, se não lá se vai o esforço da semana toda. A ideia é introduzir alguns daqueles alimentos mais calóricos que gostamos tanto, mas que não podem ser ingeridos no resto da semana, para ajudar a prevenir os "desejos incontrolados".

 

Por exemplo, se adora dióspiros (fruta normalmente não recomendada nas dietas), pode substituir a maça da manhã pelo dióspiro. Depois à noite, se vai a uma festa de anos, pode comer uma fatia de bolo. Mas nunca o bolo todo! Nem provar as oito sobremesas que estão em cima da mesa...